Mães, não se culpem nessa pandemia!

Mães, não se culpem nessa pandemia!

Qual mãe não está pirando nessa quarentena? Se tiver alguma, que atire a primeira pedra! A pandemia de Coronavírus nos virou ao avesso. Trouxe desafios e nos despiu das vaidades. Unha por fazer, cabelos levemente brancos, bigodinho aparente, ginástica em stand by!!!! Terrível, não? Em outros tempos diríamos que isso seria impossível. No isolamento social, virou pura realidade. E a nova carga de responsabilidade? Estudar com as  crianças, cuidar da casa, da comida, cumprir as demandas do trabalho remoto… Será que isso é possível? Sim, é quase possível… estamos nos adaptando, mas Deus sabe a que custo!!!

Caramba!!! Se não tem aula de ginástica, ‘bora’ partir para meditação? É uma boa saída para relaxar. Mas e a saudade dos pais, que não podemos ver porque são do grupo de risco? Haja ligação por vídeo no whatsapp e no zoom. Calma, tudo vai passar, mas não temos a menor ideia de quando vai acontecer. Enquanto isso, precisamos nos ajudar.

Mães, as suas dores são as nossas também. Em qualquer lugar do mundo, estamos todas à beira do desespero, mas nos esforçando para passar pelas turbulências da melhor maneira possível. E lembre-se de uma coisa: nesses tempos de pandemia, precisamos ser mais tolerantes com nossos filhos, impor menos regras, ser mais flexíveis! Afinal, são crianças passando por um momento inédito na história mundial. E eles são maravilhosos e resilientes!!!!

E nós? Também somos maravilhosas. Acredite! Com nossos erros e acertos, seguimos em frente!

Por Tais Faccioli

Tais e Tiago são mãe e filho, nascidos no estado do Rio de Janeiro. A incursão de Tais no mundo literário surgiu por incentivo do Tiago, quando ele tinha apenas 5 anos. Com várias histórias na cabeça, mas ainda não alfabetizado, o pequeno criou uma parceria inusitada com a mãe: ela registra suas ideias no gravador do celular e passa para o papel, com as devidas adaptações. A primeira aventura é contada no livro “O menino que descobriu as cores”. Agora com 6 anos, Tiago cursa o 1º ano do Ensino Fundamental do Colégio Martinsinho, na zona norte do rio de Janeiro. Tais é jornalista, pós-graduada em Gerenciamento de Projetos no Terceiro Setor pela FGV-RJ. Trabalhou durante 16 anos na TVE, depois transformada em TV Brasil. Ali, fez o alicerce de sua carreira, passando pelos cargos de repórter, editora e redatora. Em 2014, trocou o telejornalismo pela assessoria de imprensa e o jornalismo político-sindical. Atualmente, Tais se divide entre o jornalismo e a literatura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *